IPsim

Qual Office escolher, 2013 ou 365?

Qual Office escolher, 2013 ou 365?

Muitos clientes meus, vem perguntando sobre o novo Office e qual seria a versão mais indicada para eles.

Depois de uma grande pesquisa, decidi liberar este manutal para consulta.

A Microsoft lançou recentemente dois tipos de Office, o 2013 e o 365. As duas soluções incluem os aplicativos conhecidos como Word, Excel e PowerPoint. Outros podem entrar ou não no pacote, dependendo do que você optar por comprar.

Office 2013

O Office 2013 é a suíte de aplicativos que o consumidor instala no computador dele. Tem que estar naquela máquina específica. Ele dá acesso ao armazenamento na nuvem por meio do SkyDrive. Diferentemente de outras versões do Office, não dá mais para instalar em várias máquinas. A licença se restringe a somente um computador rodando Windows.

O Office 2013 é recomendado para quem não precisa acessar os arquivos quando está longe do computador, uma vez que o usuário fica restrito à máquina em que tem o aplicativo instalado, da mesma forma que utilizávamos, até então.

Curiosamente, o usuário pode utilizar os aplicativos gratuitos do Office Web Apps com os arquivos salvos no SkyDrive. A experiência na web não é tão completa e rica de funcionalidades como no Office feito especificamente para este propósito (365).

Há três "versões" do Office 2013: Home & Student (com Word, Excel, PowerPoint e OneNote) por em média R$ 239; Home & Business (todos os anteriores mais o Outlook) por em média R$ 589; e Professional Plus (todos os anteriores mais o Publisher e o Access) por em média R$ 1.079.

O Office 2013 inclui atualizações para ele somente, sem possibilidade de receber a próxima grande versão da suíte de produtividade.

Outro detalhe importante do Office 2013:

Uma possível interpretação na leitura dos termos de licença de uso do Office 2013 tem deixado os usuários com um pouco de dúvida. Conforme explicação publicada na Info World, a licença permanente do uso da suíte de aplicativos pode ser compatível com apenas um computador.

Isso quer dizer que caso, o seu computador apresente defeito ou você compre um computador novo, será preciso comprar outra licença do Office, como se ele fosse um componente permanente da máquina. Além disso, os termos de uso dizem claramente que você não pode transferir o produto de um computador para outro.

Office 365

Já o Office 365 engloba o Office 2013 (instalado no computador), o Office Web Apps (baseado na web), 60 minutos mensais para usar no Skype em ligações internacionais e 20 GB extras no SkyDrive. Para tanto, paga-se uma assinatura mensal ou anual. Sim, assinatura: essa é a nova abordagem da Microsoft para ofertar a experiência de Office como se fosse SaaS (software as a service ou software como serviço).

Também nesta oferta a Microsoft inclui o Office Sob Demanda. Trata-se de uma máquina virtual rodando os aplicativos do Office, com streaming diretamente para o computador em que o usuário está naquele instante.

Ideal para quem precisa de um recurso específico, desses mais avançados, que não tem nos aplicativos baseados na web do Office. Ainda mais quando está nestes computadores geralmente baratos e ruins encontrados em lan houses.

Agora, Vamos falar de licenças do 365.

São vários os tipos de licenciamento, aqui vou falar sobre o Office 365 Home Premium para uso residencial e das versões para empresas de pequeno e médio porte. Existem versões para empresas de grande porte, as chamadas Enterprise, veja aqui atodas as licenças para empresa.

O Home Premium é um Office completo na nuvem. Ideal para famílias que querem o Office em até 5 PCs ou Macs e vem com o Word, Excel, PowerPoint, Outlook, OneNote, Publisher e Access.A assinatura Home Premium do Office 365 custa em média R$ 199 por ano ou R$ 18 por mês. Inclui todas as atualizações do Office, tanto o instalável como baseado na web, inclusive futuros grandes lançamentos, como o Office 2015 (se é que terá este nome).

Office 365 Small Business comporta um máximo de 25 usuários da mesma empresa, não vem com a versão desktop, somente com a versão Web e vem com o Word, Excel, PowerPoint, Outlook, OneNote, Publisher e Access. Custa em média R$ 138,00 cada usuário por ano.

Office 365 Small Business Premium é exatamente a mesma configuração do 365 Small Business, porém vem com a versão desktop, ou seja, você tem o pacote instalado em sua máquina. Custa em média R$ 345,60 cada usuário por ano.

Office 365 Midsize Business comporta um máximo de 300 usuários da mesma empresa, vem com a versão desktop e a versão Web e diferente dos outros dois, pode ser gerenciado pelo Sistema de domínio da empresa (AD). Custa em média R$ 414,00 cada usuário por ano.

Fonte: Microsoft


Nossos Contatos

Telefone:  (11) 4063-6531
E-mail:       atendimento@ipsim.com.br


Notícias

Marco Civil da Internet. 5 pontos para entender!

O Projeto de Lei 2.126/2011 passou pelo Senado. Com isso, resta apenas a assinatura de Dilma Rousseff e a publicação no Diário Oficial
veja mais...

Saiba como conferir seu histórico de localizações no Google

Sabe onde você estava na última terça-feira, às 13h47? Você provavelmente não deve saber, mas o Google sabe. A empresa guarda
veja mais...

Heartbleed, a maior ameaça atual da internet

O mundo ficou preocupado com uma falha de segurança que pode afetar milhões de servidores (aproximadamente, dois terços dos servidores
veja mais...

Painel de controle não abre mais!

Depois de instalar um novo programa de uso corporativo (Firebird) obrigatório o meu painel de controle não está mais abrindo. O
veja mais...